Diálogo da semana
- E aí, beijou alguém durante a viagem? - me pergunta um amigo

- Não. Estou em uma fase "comprometida".

- Sei. Com quem?

- Com país neutro.

- Mas ela bem que tentou. - outro amigo entra na conversa

- O que? - pergunta o primeiro

- Beijar, mas no dia seguinte descobriu que o cara é gay.

- Ele era esquisitinho?

- Não, até que ele era bonitinho. - responde o outro amigo

- Sério?

- Ah, o país neutro também é bonitinho. - aleguei

- Ele é bem estranho, isso sim! - fala o primeiro

- Como assim? - pergunto indignada

- Ele é playboy, Dê.

- Playboy? Ele é europeu. País neutro, mas europeu. Estilo básico, ué!

- Ele é bem esquisito. - diz o outro

Esqueci neste momento de lembra-lo que logo que o conheceu, este mesmo amigo disse que o beijaria fácil, mas pelo jeito já tinha desistido da idéia. Sorte a minha, porque há amigos que quando dizem que "beijaria alguém facilmente", eu fico com medo. Sabe como é, todo mundo aumentando o leque de opções, que é melhor não arriscar.

- Eu acho ele gatinho.

- É, você acha todos com quem você fica gatinhos, mas eles são sempre esquisitos.

- Ciumentos. - pensei, mas não dividi o pensamento.

Escrito por Desiree às 05h33
[] [envie esta mensagem]



Aumentando as opções
Nós mulheres muitas vezes nos desiludimos com os homens. Talvez os homens se desiludam muitas vezes com as mulheres, mas aí eu não sei, pois geralmente eles não me contam.

Skol Beats também é um lugar de revelações. As pessoas se jogam e colocam para fora aquele "eu" que anda bem escondidinho. É, as drogas, as bebidas e outras coisinhas [tipo?] faz isso com a gente. Claro que é um "eu" geralmente exacerbado, mas que tem muito mais do "eu" nessas situações, ah, isso tem.

No meio dessas revelações uma amiga descobriu um novo universo. Ela, que costuma brigar com sua auto-estima, foi cantada por uma das meninas mais lindas da noite. É, exatamente o tipo de parar o trânsito. Geralmente, nós mulheres que preferimos o sexo masculino, brincamos que se uma Angelina Jolie aparecer na nossa frente, a gente até abre uma exceção. E foi isso que aconteceu.

No domingo até passou mal de tanta novidade. Durante a semana era pura alegria incontida e excitação com a história.

- Eu não sou lésbica. Sempre achei mulheres bonitas, mas nunca tive tesão por elas.

- Ah, desencana de ser ou não ser e curta. Você está toda empolgada mesmo. Deixa o preconceito de lado.

- Será?

Telefonemas, emails e msn cheio de coraçõezinhos. E claro, a minha amiga com a cabeça nas nuvens e criando um mundo de expectativas, que foi o que ferrou tudo [mas já consertaram]. Do outro lado, a outra amiga [ah, esqueci do detalhe, ambas são minhas amigas] exatamente no mesmo estado, a diferença é que a segunda da história tem um namorado, que foi o que começou a pesar.

E, nós mulheres, estamos sempre abertas a discutir a relação, mesmo que ela esteja ótima. Uma semana depois e mesmo ainda não tendo rolado o sexo [afinal a minha amiga poderia não curtir e querer pular fora do barco], a discussão começou a rolar solta.

- Estou vendo que vou me ferrar nessa história.

- Ahn? Como assim?

- É, estou me apaixonando e ela não vai terminar com o namorado para ficar comigo.

- Ahn?

Aí veio à tona a maldição: mulheres amam discutir relação, então imaginem duas juntas? Pronto, metade do relacionamento é prazer e metade é discussão. O bom é que como adoramos falar, fica mais fácil ser entendida essa necessidade, as neuras e inseguranças são parecidas, entendemos melhor as reclamações sobre balança e a fase tpm.

- Acho que precisa de um homem na relação.

- Mas somos duas mulheres.

- Tá, mas alguém tem que ser mais racional. Uma semana e já discutindo a relação? O que é isso?

- Como assim?

- Está mulherzinha demais essa história.

- É, você tem razão. Vou tentar mudar.

E a história está rolando com seus altos e baixos, pois obviamente minha amiga não mudou, porque mulher não muda assim de uma hora para outra.

Dizem que não tem ex-gay. E ex-lésbica, existe? Ou mulher é muito mais aberta, moderna e despudorada que ser bi é bacana e aumenta o leque de opções?

Escrito por Desiree às 12h20
[] [envie esta mensagem]



[ ver mensagens anteriores ]