Complexidade humana
Tem coisas no ser humano que eu até entendo, mas é difícil digerir. Você já saiu com alguém que só fica com você quando está bêbado? Todo mundo já teve alguém assim. Pois bem... concluir que a pessoa só tem tesão por você quando está bêbado é um péssimo sinal, afinal não serve nem para trepê, pois você pode estar em casa afim de um rala e rola e lembra do fulano. O que faz? Se entrega inteira, mas o horário não é propício para o álcool, então desista, ele não vai aparecer, porque ele só consegue ficar com você se estiver num nível elevado de bebedeira, fora isso, o máximo que ele consegue, é te instigar... e de longe.

Às vezes fazemos isso também e confesso, é uma bosta. Eu já tive alguém assim na vida, que era exatamente o estepe que eu precisava. Massageava meu ego, fazia eu me sentir a melhor das melhores, mas eu só o considerava nos meus dias nebuloso e jamais o levava para qualquer encontro social em que meus amigos estivessem presentes. Péssimo? Sim, mas somos seres humanos e falíveis.

Tenho uma amiga que descobriu o melhor trepê dos últimos tempos, mas ela, que tem uma queda pelos bonitos e verdadeiros cartões de visita, confidenciou que é o cara para você ter prazer, mas jamais apresentar para os amigos. E às vezes parece que somos alguém assim na vida de alguém.

Para mim o difícil em qualquer relação, seja amizade ou qualquer outro nível, é quando apenas um lado investe. O outro aguarda e na sua comodidade a encontra quando não tem nada muito melhor para fazer. Eu canso fácil de relações em que somente eu invisto. Já ouvi falar do amor incondicional, mas parece que ele anda meio fora de moda no século XXI, a não ser o que sentimos pela família e olha lá.

Eu sempre tive vício por pessoas, mas elas andam me cansando, tanto que tenho ficado cada vez mais sozinha. E hoje decidi que só me dedico a quem eu sinto reciprocidade na minha dedicação, então talvez restem bem poucos e acho que prefiro assim, pois assim ficam somente as pessoas que valem a pena.

Acho que atualmente eu desaprendi a amar.

Escrito por Desiree às 19h35
[] [envie esta mensagem]



[ ver mensagens anteriores ]